André Laurentino — A Paixão de Amâncio Amaro

Ana,

A Paixão de Amâncio Amaro foi o primeiro livro após anos que eu comecei a ler e só larguei no momento em que terminei. Um colega de trabalho já havia falado — e muito bem — a respeito, e um dia levou o livro pra eu ler. Adorei, adorei, adorei. A leitura é fácil e nada simplória.

É a história de Amâncio Amaro, um menino do interior do Pernambuco que não consegue decorar o próprio nome, que ocupa três páginas e meia do livro de registros da cidade, e que tem um amor secreto por Luzinete. Amâncio passa os dias fantasiando encontros com ela e brigas com o pai, que odeia (e o sentimento é recíproco). O livro ainda tem um quê de literatura fantástica ao retratar um personagem que se transforma em qualquer coisa (poste, cachorro, pássaro), o próprio nome de batismo de Amâncio e uma menina estrábica que tem inveja da sua própria imagem no espelho (onde ela se vê linda).

O romance é delicado, e foge do clichê de literatura regional nordestina. E a estrutura em si é tão surpreendente que eu li o último capítulo freneticamente e quando terminei quis recomeçar o livro. Só não li duas vezes seguidas porque caí de sono 🙂

–Anna

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s