Julie Powell – Julie & Julia

Anna,

Finalmente descobrimos o que é um livro gastronômico! 😀

Começo a resenha fazendo um pequeno e honesto disclaimer. ADORO cozinhar, adoro ler blogs de receitas, adoro ver reality cooking shows (todos do Gordon Ramsay), e ODEIO com todas as forças vídeos do youtube de receita. Exceto, claro, os vídeos do Gordon Ramsay. Me deixem.

Então, foi com bastante boa vontade que peguei Julie & Julia pra ler. Julie, ao perceber que sua vidinha era um tanto quanto patética, resolveu (instigada pelo marido), cozinhar em um ano todas as receitas do livro clássico da Julia Child “Mastering the Art of French Cooking” e relatar a experiência em um blog, na época em que blogs não eram mainstream #hipster.

“Julia Child quer que você – isso mesmo, você, que mora num dos milhares de conjuntos residenciais dos subúrbios da cidade, que tem um empreguinho sem futuro numa empresa qualquer e só dispõe de um supermercado Stop and Shop num raio de vários quilômetros – saiba como fazer uma boa massa e também como fazer para que aquelas vagens enlatadas fiquem saborosas. Julia quer que você se lembre de que é gente e, como tal, deve usufruir do mais básico dos direitos humanos: o direito de comer bem e gozar a vida.”

Foi meio complicado pra mim ler a descrição do “day job” de Julie em uma repartição pública, simplesmente porque o tédio e a falta de sentido que ela descreve é exatamente o que vivi antes de declarar “basta” (ou, mais adequadamente: “screw you guys, I’m going home”). 😉

Quando o livro está narrando o processo de cozinhar, o drama para achar um OSSO para fazer bife com tutano ou as hilárias discussões sobre assassinato de lagostas, é bem legal. Quando o livro traz cenas semi-fictícias da vida da Julia Child em Paris, é bem bacaninha também. Mas quando a narradora começa a falar dos seus insights sobre as mudanças em sua vida pós-Julia, o livro fica quase tão insuportável quanto os chick-lits que nos obrigamos a ler em outubro! :S

Li Julie & Julia em duas sentadas, assim que acabei o Cortázar. Aí me perguntei: esse livro é “Masterchef” ou é vídeo de receita do youtube? A única resposta honesta é “não sei”. Me diverti lendo a maior parte do livro, é verdade. Mas não achei nada de mais. Não recomendo fortemente a leitura, mas também não falo “saia correndo”.

Anúncios

4 respostas em “Julie Powell – Julie & Julia

  1. Primeiro preciso comentar duas coisas:
    1- Arrasada pq adoro vídeos de receita do youtube.
    2- Citar Cartman é amô!

    Agora pra falar a verdade, o livro não me empolgou. Tb não assisti ao filme e nem fiquei com vontade.

    • Cartman é muito ❤ 🙂

      Não consigo ver vídeos de receita do YT, o pessoal costuma ou enrolar demaaaaaais ou ser muito "expansivo", vai me agoniando!

      Quanto ao livro, ele realmente não é nada demais. Entra na categoria que "livro de avião/ônibus", porque você pode ler em menos de três horas e não precisa de muita atenção (ou seja, aquele guri que passa o vôo inteiro berrando não vai atrapalhar o entendimento do livro). 😛

  2. Nunca vi vídeos de receita no Youtube xD

    Vi o filme porque Meryl Streep é muito amô e faz qualquer coisa ficar boa ❤ E gostei mediano, acho que do jeito que você descreveu o livro mesmo 😀

  3. Pingback: Desafio Literário – Fevereiro | Ana, leu isso?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s